terça-feira, 20 de abril de 2021

PF indicia profissionais de saúde indígena por desvio de vacina em Barra do Corda

Técnica de enfermagem usou doses desviadas em parentes

A Polícia Federal instaurou um Inquérito Policial, no dia 17 de março de 2021, para apurar a conduta de uma técnica de enfermagem da Saúde Indígena do Pólo Base de Barra do Corda que desviou doses da vacina CoronaVac destinada à imunização da população indígena contra a Covid-19.

As investigações concluíram que a enfermeira, que não teve seu nome divulgado, aplicou as doses do imunizante em três familiares.

Depoimentos dos envolvidos forma colhidos por equipes da PF nos municípios de Barra do Corda e Jenipapo dos Vieiras. Segundo os agentes, a técnica de enfermagem confessou ter desviado as doses do imunizante e seus parentes confirmaram terem sido vacinados por ela.

A vacinação clandestina de dois dos três parentes da técnica foi acompanhada ainda por um enfermeiro, que chegou a fazer fotos do momento.

Com base na investigação, a Polícia Federal indiciou a técnica de enfermagem no crime de peculato e o enfermeiro no crime de peculato a título de omissão imprópria, já que ele tinha o dever de impedir a vacinação irregular, mas acabou garantindo que houvesse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade

Publicidade