quarta-feira, 22 de julho de 2020

No Maranhão, PMs são processadas por ‘striptease’ no TikTok


Um grupo de sete mulheres, integrantes da Polícia Militar do Maranhão, tornou-se alvo de uma sindicância interna após uma brincadeira em rede social.
Segundo os autos, as PMs fizeram uma espécie de ‘striptease’ – tirando as fardas, mas ficando de roupas civis – e compartilharam a performance no TikTok.
O vídeo ganhou repercussão e, posteriormente, foi compartilhado por terceiros no Instagram e no WhatsApp.
O encarregado da sindicância é o tenente coronel Raimundo Borba Lima.
Os nomes das mulheres serão preservados pelo blog para que elas não sejam “canceladas” antes do resultado final da apuração funcional – que, convenhamos, tem tudo para não ser favorável a elas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade

Publicidade